Follow by Email

sexta-feira, 29 de março de 2013

Ta vendo essa Rosa?

Todas as manhãs ela etá lá do lado de fora da minha janela. As vezes ela está em botão e as vezes em broto... muitas vezes ela simplesmente desaparece... mas eu sei que ela vai voltar. As vezes ela está tamborilando com as gotas que caem da chuva e as vezes ela entra em contraste com um céu branco e cheio de nuvens. As vezes ela forma um pingo vermelho em uma imensidão do céu azul...
Se o vento está forte e ela está balançando ou se ela está embebida no tédio dos dias quentes e abafados, ela está sempre lá.
Eu já pensei em vários destinos pra essa rosa... uma professora de aniversário ou no dia das mães... aniversário de alguma tia ou prima ou até pra aquelas "namoradas" que a gente têm na pré escola...
E depois de tantos destinos nunca cumpridos eu finalmente entendi que a rosa está lá para mim!
Quando o mundo só sabe gritar, brigar e correr sem rumo para a sua destruição, um conjunto de pétalas vermelhas no meio de tanto caos chama a atenção para aquilo que é ainda mais forte que o medo...
A Esperança de que ainda há esperança... E eu acho que todos podem ver que a esperança é sazonal, pois ela aparece no Natal e Páscoa, e nos dias em que as pessoas são lembradas da compaixão e do amor ao próximo... Pode perceber que todos os dias das mães, avós, crianças, mulheres, as pessoas dizem que aquele dia é comemorativo mas o dia das mães é todos os dias, a páscoa é todos os dias, e o Natal também. Mas se fosse assim, as pessoas iriam perder todo seu dinheiro já que todas essas datas se  tornaram nada mais do que datas comerciais......
Seria bom se a hipocrisia diminuísse  o seu volume e as pessoas fizessem coisas boas por realmente quererem algo melhor e não só por cumprirem o requisito da data.
É bom ver sorrisos no meio de tantos motivos pra chorar e pingos de chuva em meio a seca. É bom saber que você tem um pedacinho de mundo no meio de tantos lugares disputados. E ai as pessoas mostram o desespero por ter algo no que acreditar. Elas se agarram ao que é bom e não sabem repartir. Tudo deve ter um dono só e tudo deve ser impessoal. Se o mundo hoje tentasse mudar alguma coisa, o fim já está traçado mesmo assim... O problema é como cada um vai viver até lá. É um desespero tão grande que as pessoas passam, que elas lutam e perdem ao invés de repartir pra ganhar.
Se você encontrar algum pedaço de bondade e esperança no mundo, não use o egoísmo para destruí-lo, mas aprenda a partilhar. 
A questão da esperança é que quando ela é sozinha, é como uma vela que persiste mas um dia apaga... Por isso, quanto mais você compartilhar essa chama, mais luz haverá. E se você não vê saída ou maneira de fazer isso, siga o concelho que minha mãe sempre me dá, "Tente, invente... faça diferente"
Você pode se recusar a acreditar que o mundo é hipócrita durante essas datas especiais, mas isso não fará com que as pessoas mudem e parem de ser hipócritas. Isso só vai te tornar cego para as cobras e lagartos que estão perto de você...
Seja a diferença que você quer no mundo, todo o dia é dia de mudança, todo o dia é dia de sorrir... é o que se é cobrado, mas ao mesmo tempo aquilo que menos se executa.
E enquanto a hipocrisia não abaixa seu volume, aumento o volume dos fones de ouvido, porque prefiro o silêncio das músicas do que o ruido do mundo e blá blá blá...

Um dia era areia, hoje é uma pérola...

Sabe aquelas rizadas que você dá até faltar o ar, e doer a barriga? Eu sou um bobo alegre e vivo tendo esses acessos, mas eu adoro quando acontece... ou aquele sentimento de leveza que dá depois de uma semana de provas, sabendo que você foi bem em todas elas...(mentira)
Em parte o bobo alegre é mais alegre por causa da estação do pijama e dos dias de sol e frio, e de folhas secas e roupas elegantes... Até parece que sua vida é um eterno chocolate!
Esses dias estava conversando com pessoas ( sim, eu tenho que especificar, por causa da minha mania de conversar com animais e bichos de pelúcia e comidas e canetas e borrachas ,cadernos e comigo mesmo e com a tida do manicômio pra onde eu vou se eu não parar com isso O.o) e de repente a pessoainha me disse que não ia mudar o que pensava por causa daquele garoto... 
Ai veio na ponta da minha língua mas voltou do fundo obscuro e perverso da minha mente aquilo que todos sabem, mas ninguém quer assumir.
Quando se busca um relacionamento por que você quer se sentir bem e feliz, cuidado, vocÊ poderá se apaixonar. Quando você escolhe conhecer alguém melhor e a cada descoberta nova a pessoa te encanta mais, e tudo depende de fazer ela sorrir e não mais a sua felicidade, vá em frente pois você vai amar!
Paixão é o que sentimos quando buscamos tudo o que a pessoa nos dá, para sentir prazer e alegria pra si, e compaixão é fazer algo por ela, mas não porque ela irá se sentir bem, somente porque ela lhe dará algo em troca. 
Amor é um sentimento forte que poucos sabem sentir mais muitos sobre o qual muitos sabem mentir.
Muitos culpam o ato de amar por trazer dor, quando o amor é completo e cheio de realizações. Não sei se eu quebrei a sua história de vida agora, mas sim, seu "primeiro amor" provavelmente foi somente uma paixão. Mas quer saber o que mais? Quando você sentia, aquilo se definia como amor para você então como diz minha prima pato braquense(ta certo isso produção?) "Cada um dá o nome que quer, não é?".

Aquilo que eu chamo de lixo, alguns chamam de funk, aquilo que eu chamo de besouro, alguns chamam de azeitonas, e assim é a vida. Cada um é dono da sua verdade e só há amor quando você aceita a verdade do outro e há reciprocidade... 

Cuidar de quem não cuida de você é perda de tempo, e desprezar quem te quer bem é desperdício de amizade... Acalme seu coração e não ten
ha pressa; e ai você vai sentir aquela tal de leveza e a dorzinha boa na barriga...
Pérolas levam tempo, diamantes levam tempo, downloads de um episódio importante do seu seriado preferido leva um eterno tempo e tá mesmo o miojo leva tempo!(Tudo Novo de Novo)  e com certeza o grande amor da sua vida que você tanto sonha em encontrar assim como nos contos de fada, leva tempo. 
Cuide de você, deixe acontecer, e de rizada até a barriga doer (#Rimei #há) e blá blá blá